Diastemas

Diastemas são espaços existentes entre os dentes. É uma condição mais comum em dentes anteriores superiores. Podem ser corrigidos com aparelhos ortodônticos ou restaurações com resinas ou porcelana, com a intenção de melhorar a estética e função do sorriso, fechando os espaços existentes.

Quais são as CAUSAS dos Diastemas?

Durante a fase dos dentes de leite é comum que as crianças tenham diastema, pois os dentes permanentes são maiores e vão precisar de mais espaço para desenvolver.

Quando acontece a troca dos dentes, esses espaços extras tendem a se fechar naturalmente. No entanto, alguns fatores biológicos, hábitos e uso de acessórios infantis podem comprometer essa movimentação como:

  • Tamanho diferente dos dentes;
  • Ausência de algum dente;
  • Anormalidade no freio labial — tecido que vai do lábio à gengiva, chegando aos dentes superiores centrais;
  • Chupar o dedo, usar chupeta e mamadeira — esses hábitos exercem pressão sobre os dentes;
  • Problemas de alinhamento e oclusão;
  • Pressão da língua sobre os dentes;
  • Respiração bucal — respirar pela boca reduz a pressão dos lábios sobre os dentes, contribuindo para a abertura dos diastemas;
  • Existência de dentes extras que não nasceram.